A Audiência de Barcelona condenou o futebolista argentino Lionel Messi a um ano e nove meses de prisão por fraude fiscal entre 2007 e 2009.

Jorge Messi, pai do jogador, também foi condenado a 21 meses de prisão, uma sentença que, segundo a agência EFE, foi comunicada hoje às partes.

Messi e o pai, também multados num total de 3,7 milhões de euros, deverão escapar à cadeia, uma vez que em Espanha as penas inferiores a dois anos de prisão não são habitualmente cumpridas.

fonte: www.Abolatv.com

0 comentários:

 
Top